O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

para ti


4 comentários:

frAgMentus disse...

uma félix descoberta na praia da bafureira - Parede

Rui Miguel Félix disse...

Para mim? :)

Olha que bom!

Três lindíssimos exemplares de Tylostoma sp.?, ou Natica sp.? Fanerozóicos, de idade seguramente Cretácica superior (provavelmente Cenomaniano-Turoniano), com aproximadamente 90 milhões de anos. 90 milhões de anos... ontem, geologicamente.
São organismos que coabitaram com os grandes saurópodes também já extintos, e que presenciaram a abertura do oceano Atlântico... que sortudos!

Agradeço-te, mas guarda-os, são teus. Sejam eles o início de uma grande colecção de fósseis das tuas praias, de conchas dos teus mares, de leves pégadas que imprimes no teu lento caminhar nos areais, os trilhos de alívios na icnologia dos teus destinos.

Abraço, Ana.

saudadesdofuturo disse...

Fragmentus,

Fico félix (feliz) devo dizer por estares de volta. Apesar de sempre achar que os salpicos de maresia ainda se faziam aqui sentir.
És uma pessoa de uma sensibilidade superior: doce e terna, e isso é muito importante para mim, que sinto as almas pelo brilho que emanam e pelo que em mim semeiam em bondade. Estou "félix" que estejas feliz.

Oferecendo aquilo que o Rui Miguel diz serem "três lindíssimos exemplares de T...." :)
Sorriso para ele
Sorriso para ti.

Beijos a ambos e "abraço destes braços" :)

frAgMentus disse...

Rumi, eu sabia que ías perceber 0 destinatário e promover um "complicado" momento cultural que nem a nossa Saudades fixou o nome das criaturas marinhas...(",)

Há um fóssil, mt pequenino, ainda guardado para ti. Sabes qual é. Quanto a estes, nem duvides de que tem sido uma colecção fantástica a que eu e o Nuno estamos a fazer. Parecemos "indiana jones" mas, mts vezes, nada recolhemos; apenas retemos, em contemplação, os magníficos tesouros naturais que nos deixam, sempre, Saudades... :)

Bj a ambos de luz e paz
Obrigada, sempre, por me fazerem bem.