O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


sábado, 6 de junho de 2009

Posso abusar da vossa boa vontade para ver videos do youtube???

Posso deixar mais um para discussão?
Posso? Posso?





Fico à espera dos comentários...
Eu desconhecia esta versão das alterações climáticas

7 comentários:

Sereia* disse...

Desculpem se lancei mais uma para a fogueira... mas gostava mesmo de ler a vossa opinião?

Eu sempre comprei a versão contrária a esta que descobri por acaso...

fkwhfkwdvli2197dhjB disse...

cjAJCnakvnksdnv,!,

m ncM>C,.


znx;M<,XM .!!!M,,,l87832r

IMIMI disse...

Tudo se pode afirmar e refutar, porque tudo é ficção...

Lapdrey disse...

Cara Sereia,

Creio estarmos num mundo hoje (quiçá sempre o estivemos) em que há peças, no puzzle global, que podem desproporcionar por completo a nossa noção de perspectiva das coisas e da relevância que elas têm ou tenham no Hólon terrestre, e até cósmico.
Para tanto basta que nossa rede de crenças seja assim e não assado.

Se há, por exemplo, quem diga que os "universos paralelos" são apenas outras gamas de frequência "vibratória" da "realidade"... bastando, para se aceder de uma para outra dimensão, adquirir tal frequência e fazer um movimento em certo ângulo relativo...

O que hoje parece insofismável, amanhã pode mostrar-se a mais execrável mentira ou conspiração.

Veja-se, com a reserva que estas coisas sempre aconselham, o video seguinte, a propósito da dita Gripe mexicana:

http://www.youtube.com/watch?v=0K2LdGUca9w

A "verdade" nestas coisas, e porventura noutras coisas também, é sobretudo o que "engolimos", de quanto nos impingem ou queremos acreditar...

Hoje, mais do que nunca, importa estarmos conscientes de que estar lúcido é permanente conquista de si mesmo, num constante esfregar dos olhos, para ver "com olhos de ver"...

Muito grato pelo video, cara Sereia!

opinião errada disse...

Tudo anúncios publicitários que mostram até que ponto certos produtos da investigação (al)química se incorporam na vida quotidiana... Os cientificamente comprovados e os outros... Venenos vulgares que entram na composição de vários remédios...

"Não estou a rir-me de ti. Estou-me a rir porque estás a ler escritos que não têm nenhuma (importância para quem quer que seja).

José Nunes Carreira
Literatura do Egipto Antigo

Maria Ana Silva disse...

Olá Sereia,

andamos, como em tanta coisa, perdidos no que não podemos mudar, e aqui, em nós, tanto a necessitar de ser cuidado... tão simplesmente, guardado-olhado.

um beijo

Paulo Borges disse...

Negar a interdependência entre as acções humanas e o mundo é negar a mais simples evidência quotidiana... Por outro lado, não percebo porque haveria a Comissão Intergovernamental para as Alterações Climáticas (CIAC) forjar dados que obrigam a largos investimentos de recursos e são tão incómodos para o capitalismo mundial. Não averiguei, mas não será este video forjado pela administração Bush, que fez questão de não ratificar o Protocolo de Quioto? Enfim, não é este um domínio da minha especialidade, mas, francamente, dizer que estamos perdidos no que não podemos mudar... e que há que olhar para nós... Pois não é de nós que em tudo isto se fala!? Da nossa inconsciência de predadores compulsivos da natureza e dos seres vivos!?