O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


domingo, 11 de outubro de 2009

Ulla Janatuinen


"A dança foi a primeira forma de oração;
uma oração rezada ainda pelo corpo"

Teixeira de Pascoaes

10 comentários:

Adama disse...

"Eu acredito que cada um de nós tem uma capacidade natural de dançar e partilhar a energia com os outros, através do movimento. O meu objectivo é aumentar a harmonia entre o corpo a mente. Aprender a ouvirmo-nos a nós próprios é o primeiro passo neste caminho, e a dança é um óptimo meio para chegar lá. "

Ulla Janatuinem

Dançarino do Nada disse...

Só a dança redime da cisão corpo-espírito!

Anónimo disse...

Dançar é acariciar o vazio.


Rita Apoena

Dançarino do Nada disse...

Dançar é o êxtase do vazio na coleante volúpia da forma.

verónika disse...

http://www.youtube.com/watch?v=PS7ndf3RY6w

Paulo Borges disse...

Belo video! Não gostaria de colaborar na Serpente e de colocar esses videos como posts? Muito apreciaria.

Anónimo disse...

dançar é fazer amor...
fazer amor é a oração que nos re-liga aos primórdios do (a)ser...

Paulo Borges disse...

Não se faz amor. O amor desfaz-nos.

Anónimo disse...

não se dança... a dança desfaz-nos...
não se escreve... a escrita desfaz-nos...
não se toca... a música desfaz-nos...
não se medita... a meditação desfaz-nos...

Sereia* disse...

Eu também acredito!

Belo regresso de Adama!
Belo post! Bela citação!

Todos nós somos seres dançantes. Todos temos em nós o movimento perpétuo e a troca de energia. E todos temos essa possibilidade de harmonia :)

Grata pela partilha linda que só hoje vi*