O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Gripe H1N1: José Sócrates faz parte de grupo de risco...

Será que agora, imunizado,
Vais ser amigo dos professores?
É claro que quase todos são doutores
Com diploma assinado e carimbado
Em dia de semana e de trabalho
Mas mesmo que fosse em feriado
Não havia razão para tanto ralho:
O que importa é o canudo
Mesmo que adereço de entrudo
Dá a qualquer lustro e boa fama
Por isso, agora que a gripe porcina
Em má hora nos ataca à traição
A tua cara de demo-crata não engana:
Pede à Escritora Aventurina
Uma saga sem choro ou maldição:
"Uma Aventura no Ministério da Educação!"
Que deleite! Que Satisfação!
Os professores titulares, aclamados
Depois de grande batalha campal
Com pontos contados e somados,
Ficam sem nome ou estatuto
Por causa do resultado eleitoral!
E, num golpe de asa astuto,
A avaliação deixa de ser a fingir
Que ser professor não é andar a dormir
Passa a ser feita de vez em quando
E por gente competente.
E, acima de tudo, a nave dos loucos
Sem rumo ou comando,
Tripulada por uns poucos
Sempre a empratar e a dar ao dente
O Governo de Portugal,
Vai tentar um rumo diferente:
Em vez de pessimamente
Vai só governar mal...

5 comentários:

João de Castro Nunes disse...

Olhe que, em questões curriculares, entre Sócrates e Isabel Alçada, é "elha por elha", como gostava de dizer o grande Aquilino... ao jeito beirão! JCN

Paulo Feitais disse...

:) Mas a Milú também tinha das suas. Paz à sua alma!

saudadesdofuturo disse...

A Milú já terá sido vacinada??

Será que é também dos grupos do risco?!

Duvido!

Paulo Feitais disse...

Se se trata da gripe porcina...
Faz parte do grupo de risco!
:)

Damien disse...

Haja alguém que crie o "Grupo do Arisco", com o lema: " Ai, arriscas-te, arriscas-te"!

Mas com porcinação, perdão, vacinação facultativa, como condição de admissão.

Facultativa, é claro, como facultativo é o govenar bem.

Parece-me bem.


P.S.
Gostei também da expressão ("à defesa"!) e do torcer de dorso do P.M.
Após tão denodada quão perplexa decifração desta esfinge pátria, fontes próximas asseveram-nos que tal indicia claramente, e apenas, ter-lhe doído a pandemia, perdão, a minoria: para o lado direito, como é de ver.