O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Desvio

Borboleta procura no Inverno
a Primavera

22 comentários:

João de Castro Nunes disse...

Quem lhe disse isso?--- JCN

paladar da loucura disse...

ninguém

João de Castro Nunes disse...

Então... como é que soube? JCN

paladar da loucura disse...

Não sei! Será um desvio se...

João de Castro Nunes disse...

Sibilina... linguagem! Será a linguagem das borboletas em período de inverno? JCN

paladar da loucura disse...

A borboleta não se exprime, anda equivocada no caminho. Eu, Ethel (até agora paladar da loucura) assisto ao disparate do bicho e registo. Onde está a dificuldade, poeta?

baal disse...

auto-estrada?

Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
paladar da loucura disse...

auto-estrada e Primavera ou Inverno... O que há em comum entre eles, Baal?

Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
paladar da loucura disse...

Afinal Fausta, apareces? Achei que não querias ser internada...

Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
paladar da loucura disse...

então és mesmo caso de internamento. queres que te grave a conversa?

Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
baal disse...

eu gosto de orelha de porco, com salsa e coentros, já agora as rosas são perfumadas.

Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
baal disse...

a alma

baal disse...

o deus palhaço vi
fausta já começas a chatear (mas deves uma mulher bonita). e já agora diz ao teu alter-ego(jcn). para baixar a bola.

Fausta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.