O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Que partido será inteiro?

4 comentários:

Damien disse...

Talvez quando já nem cacos houver para partir...

Ou seja: quando também os partidos estiverem todos no caco em que está já o país.


P.S.
Devia, aliás, ser permitido votar em duplas ou triplas, como no totobola!

Teria assim o eleitor a possibilidade de exercer de modo mais "equilibrado" o seu direito, e poder vir alguma vez a acertar no "resultado certo" ou - se a sorte lhe batesse realmente à porta -acertar até na "chave" desta nossa escaqueirice nacional.

João de Castro Nunes disse...

Banalidades... para ir entretendo o zé-pagode e com que te iludes a ti mesmo, imaginando-te o suprassumo da bicharada. Caso para se dizer com o carismático bispo do Porto, quando escandalizado: "Porra, senhor abade!" JCN

luis santos disse...

Eu li algures que era o PPA. Será? Será que pode haver alguma coisa partida e inteira ao mesmo tempo? Ou será que o melhor é não ter nada partido? Ou será qualquer coisa que está Partida enquanto não é tempo, e quando for tempo de ser Inteiro já estará partido?

Anaedera disse...

Inteiro será o partido em que tu acredites e te revejas, quer já exista ou seja por ti criado.