O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


quarta-feira, 23 de setembro de 2009

a azáfama nunca foi tão grande no país, os políticos burgueses passaram de veraneantes a excursionistas

4 comentários:

Damien disse...

A festa, perdão, as férias continuam.

Só que, em vez da Quinta do Lago e da Praia dos Tomates, temos os meninas e meninos dos partidos às partidas, à quinta e aos outros dias, num certo não cantar mas rir do hodierno "lavados, levados somos" a esmiuçar-nos os sufrágios sempre do mesmo.

Mudam as gripes (aviárias, porcinas ou felinas), mas fica o mesmo atchimmm do resfriarmo-nos, refreando-nos, mais uma vez, de nos sublevarmos!

Abaixo a mascarada!
Tudo em pelota!
Viva o sufrágio universal, por apalpação!

João de Castro Nunes disse...

A REFREGA ELEITORAL

Para onde quer que a gente volte os olhos,
não dá para escolher: são todos maus;
prometem fazer broa dos calhaus
e transformar em rosas os abrolohs.

Da porta não nos largam os ferrolhos,
pedindo o voto a troco de uns pardaus,
supondo esses malandros e maraus

que somos todos cegos ou zarolhos.

(O resto do soneto fica pendente da autorização do senhor DAMIEN, o suprassumo da fantochaada) JCN

platero disse...

2 apontamentos breves sobre a campanha eleitoral:

1 - tempo de (e)scutas

2- dados tempo e fedor de "asfixia democrática", por que não passar a designar o fenómeno por "Obstipação"
:
obstipação democrática

um abraço, baal

baal disse...

platero, só aqui é que um partido que pensa ganhar as eleições opta por não se pronunciar sobre a sociedade... triste país, tristes pessoas, triste 'democracia'.
abraço

tenho que 'postar' a minha frase eleitoral:

'armas para o povo, já!!!'
bom, também depende do povo.