O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


terça-feira, 14 de julho de 2009

Blogs: terapia da solidão ou distracção da morte precoce?

6 comentários:

Kunzang Dorje disse...

Uma forma de contágio.

Tupi-Guarani disse...

Contágio da senilidade de quem não sabe viver senão em frente de um ecrã.

Nuno Maltez disse...

Jornais, revistas, livros, filmes, teatro...: terapia da solidão ou distracção da morte precoce?

Apenas mais um meio de comunicação.

Anónimo disse...

Muita comunicação, pouca comunhão.

Comunicação disse...

“Diz a Vida ao Homem:
- ............... ê ...........
.................. ê ...........
O Homem, confuso, intrigado, pergunta:
- O quê?! Que estás tu para aí a dizer? Não entendo nada!
Ela, ponderada, insiste:
- .............. ê .......
O Homem, exasperado, continuava ainda sem entender o que a Vida lhe dizia:
- Não te estou a entender, porra!!!
Mais uma vez, ela repete, já aborrecida:
- ................. TTT ......
Neste ínterim, o Absurdo chega. O Homem, sem haver ainda conseguido decifrar uma só letra daquilo que a Vida lhe havia dito, pede ajuda ao recém-chegado. Este, após ouvir o que a Vida incessantemente repetia ao Homem, afirmou:
- Ela disse: 'És um estúpido que não percebe nada!!!'”
Gonçalo Nuno

praticamente disse...

Nem uma coisa, nem outra.

Todos somos solidão. O facto de nos juntarmos não muda nada. Não é uma doença. É mesmo assim.

Distracção da morte precoce? Mas ao nascer não morremos já precocemente? Não é a vida uma distracção?

Um blog é um blog até deixar de o ser.