O CAMINHO DA SERPENTE

"Reconhecer a verdade como verdade, e ao mesmo tempo como erro; viver os contrários, não os aceitando; sentir tudo de todas as maneiras, e não ser nada, no fim, senão o entendimento de tudo [...]".

"Ela atravessa todos os mistérios e não chega a conhecer nenhum, pois lhes conhece a ilusão e a lei. Assume formas com que, e em que, se nega, porque, como passa sem rasto recto, pode deixar o que foi, visto que verdadeiramente o não foi. Deixa a Cobra do Éden como pele largada, as formas que assume não são mais que peles que larga.
E quando, sem ter tido caminho, chega a Deus, ela, como não teve caminho, passa para além de Deus, pois chegou ali de fora"

- Fernando Pessoa, O Caminho da Serpente

Saúde, Irmãos ! É a Hora !


sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Índice do nº2 da Cultura ENTRE Culturas. O nº1 é apresentado hoje, às 19h, na Feira de Alternativas de Sintra (São Pedro)

índice /|/

entre tantos e tanto
| editorial 3

in memoriam

raimon panikkar nove sutras sobre a paz 6

antónio telmo portugal dans la découverte de l’au-delà de l’histoire 7

do oriente e dos orientes a ocidente
| ensaios 5

carlos joão correia
oriente/ocidente: a questão da identidade pessoal 12

rui lopo
da universalidade, do oriente, do orientalismo, da filosofia da religião, do budismo definido como niilismo e do que haja de romântico entre tudo isto. (Diário de uma investigação) 23

amon pinho
cristianismo e vontade, ocidente e crise de espírito: da interpretação niilista de O Budismo ao buda-dharma e ao universalismo, percursos de agostinho da silva 29

paulo borges
fernando pessoa no tibete ou de como pelo bar-do se compreende dom sebastião como o “king of gaps”
e o quinto império como o seu “estranho reino” 41


entre nós e a voz a água corrente
poesia | photo graphia 49

rumi cruz e cristão, de ponto a ponto sondei 50

vicente franz cecim quatro poemas de “Fonte dos que dormem” 51

ethel feldman três poemas 55

maria sarmento marinheiros estáticos(poema entre-órfico) 58

longchenpa um excerto d’ ”A Liberdade Natural da Mente” 60

flávio lopes da silva três poemas e aforismos 62

sylvia beirute três poemas 65

donis de frol guilhade três poemas de “A voz maior que a boca” 68

simeão o novo teólogo hino 38 72

t.s.eliot ”little gidding” – extractos de “Quatro Quartetos” 73

rómulo de andrade três obras de “Berço das águas” 74

joão paulo farkas oito “olhares” duma viagem à Índia 76

dos ocidentes a oriente
81 | éditos e inéditos

82 neurociências e meditação
matthieu ricard

87 Deus, os deuses e o divino sob o olhar do monoteísmo
e do budismo françoise bonardel

as distorções que nós trazemos para o estudo
97 do budismo dzongsar khyentse rinpoche

porquê o Oriente?
105 - uma entrevista a giangiorgio pasqualotto

109 lei dos jentios
(apresentação e notas) ricardo ventura

dest ‘ artes
112 | dos elmos, dos almos
e dos telmos

antónio telmo
113 a identidade religiosa de luís de camões

miguel gullander
117 a meditação do cadáver

sam cyrous
123 da Pérsia ancestral ao Irão actual : do misticismo religioso à
modernidade teocrática

duarte drumond braga
126 notas sobre o “orientalismo” na poesia de Gil de Carvalho

abdul cadre
128 caminho de santiago


sobre escritos
recensões | opinião
miguel real
132 a morte da “filosofia portuguesa”

colaboradores
134 | cv / nota bio-bibliográfica

2 comentários:

saudadesdofuturo disse...

Não se pode saber o que é a "Revista Cutura entre Culturas" ela é "entre"!
:)))))))))))))))))))))))))

saudadesdofuturo disse...

...Eu também... ;)